Da redação

Caros leitores,

Desde que começamos as nossas atividades, optamos por fazer do Público Alvo, um veículo de comunicação útil, publicando conteúdos que possam contribuir para a construção de uma sociedade mais justa e reflexiva.

Somos, portanto, totalmente contra a exploração da dor alheia para produzir manchetes e furos de reportagens.

Porém, nesta manhã de domingo a tragédia veio bater à nossa porta, se desdobrando no nosso “quintal”, quando nos deparamos ainda nas primeiras horas do amanhecer, com a dor que só o ser humano, na sua complexidade, pode inflingir a outro ser humano.

Consternados pelo roubo de uma vida inocente, desejamos força e fé aos seus familiares e votos de uma existência mais pacífica para todos nós.

Cordialmente,

Rogério Carvalho
(Editor)

CompartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someoneShare on TumblrShare on LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *